Funchal

Galeria de imagens do Pilar de Banger

  • 5 Fevereiro, 2013

O Pilar de Banger foi, durante 149 anos, um dos elementos mais desenhados e fotografados da cidade do Funchal. O pilar não era mais do que uma coluna circular de pedra com cerca de 30 metros de altura por 3 metros de diâmetro.
Esta construção, iniciativa do comerciante inglês John Light Banger, foi concluída em 1798 e custou 1350 libras esterlinas. Tinha como objetivo principal o transporte de mercadorias entre os barcos e a terra, por meio de guindastes nele colocados. Devido à sua altura, foi também utilizado como posto de vigia, em especial para prevenir a aproximação de potenciais navios piratas.
Mais tarde foi utilizado pela casa Blandy como posto de sinais para a navegação.
A coluna foi, no entanto, demolida em Agosto de 1939, aquando dos trabalhos de construção da Avenida do Mar. Apesar dos protestos da imprensa e da população, o pilar veio mesmo abaixo.
Em 1987, durante as obras dos coletores pluviais na mesma avenida, foram postos a descoberto o que restou do obelisco. Foi então decidido recuperar o que sobrou do pilar, reconstuindo-o próximo do local original, à vista de todos, no passeio sul da avenida do Mar, onde hoje se encontra.


Execução capital

Conforme relata o autor do Elucidário Madeirense, um jornal da época publicou o seguinte comentário:
«Vai consumar-se o atentado. Está decretada a execução capital. O típico, o original, o característico obelisco da rua da Praia terá que desaparecer da face da terra. Dentro de breves dias será inexoravelmente lançado nas mais profundas geenas do esquecimento. Assim o decidiram os altos destinos das cousas humanas. Não pode conseguir-se uma moratória, um indulto, uma comutação de pena. Cumpra-se sem demora e sem o menor recurso, apelo ou agravo a fatalissima sentença.
Não se trata, evidentemente, duma obra de arte, que devera ser religiosamente respeitada, duma recordação histórica, que seria preciso defender, dum objecto arqueológico digno de estudo, que convinha conservar. Todos o sabem e todos o reconhecem.
Mas, como se tem dito e redito, a verdade é que o antigo e interessante pilar criou um ambiente próprio ao local em que se ergue altaneiro, dando-lhe uma fisionomia muito especial e muito característica, que merecia ser veneradamente guardada com o maior carinho, respeito e apreço. Todos sabem que há mais dum século (a velha coluna tem 149 anos de existência) a gravura, a litografia, a tela a óleo e nos nossos dias a fotografia vão reproduzindo indefinidamente esse local e seus contornos, que faz parte integrante da nossa riquissima paisagem contemplada do mar, e que não deixa de ser admirado e apreciado pela centena de milhar de forasteiros que anualmente nos visitam».

Galeria de imagens do Pilar de Banger

Pilar de Banger

Leave a Reply

Your email address will not be published. Fields marked with * are required